Retrospectiva de Prêmios conquistados pelo TJRO em Comunicação e Justiça: Documentário Bizarrus

Este site possui recursos de acessibilidade para web visando à inclusão e autonomia de todas as pessoas.

Sexta, 07 Janeiro 2022 08:00

Retrospectiva de Prêmios conquistados pelo TJRO em Comunicação e Justiça: Documentário Bizarrus

IMG 1806biz

 

Iniciativas de comunicação premiadas do Tribunal de Justiça de Rondônia colocam a instituição num patamar elevado de qualidade de informação e transparência, assim como favorabilidade em sua imagem institucional, por isso neste mês de janeiro faremos uma retrospectiva dos troféus conquistados para relembrar as ações que trouxeram destaque em excelência para o TJRO.

O primeiro deles foi a conquista do Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça, na edição do ano de 2011, para o documentário Bizarrus, produzido pela Coordenadoria de Comunicação do TJRO a pedido do juiz da Vara de Execuções penais da época, Sérgio William Teixeira, com o apoio do presidente do TJRO no biênio 2010-2011, desembargador Cássio Rodolfo Sbarzi Guedes. 

O documentário de 36 minutos, dirigido por Simone Norberto, fotografado e montado por Laelho Barrozo, apresenta a iniciativa inovadora do grupo teatral “Sem Nexo e com plexo”, formado no sistema prisional, e sua experiência na encenação de um espetáculo autoral, que, ao longo de mais de 10 anos, conseguiu demonstrar a ressocialização completa por meio da arte. 

Baseado em depoimentos dos envolvidos no projeto, o produto audiovisual acompanha a trajetória das pessoas que ousaram entrar no presídio para trabalhar com teatro, dos presos que aderiram ao projeto e do espetáculo que conquistou milhares de espectadores.

O Tribunal de Justiça, por meio da Vara de Execuções Penais, sempre foi parceiro da iniciativa, incentivando o grupo e facilitando os trâmites necessários para superar os obstáculos do trabalho. Por isso, o Poder Judiciário de Rondônia, por intermédio da Coordenadoria de Comunicação, encampou a divulgação do projeto, produzindo não só o documentário, mas também folder, catálogo de 10 anos e convite para o espetáculo. Além disso, planejou e executou um plano de mídia para a divulgação da peça, do projeto e o lançamento do DVD.

 

Histórico

“O caminho da ressocialização é árduo, mas em Rondônia o espetáculo Bizarrus mostrou ao longo de 10 anos que é possível, por meio da arte, transformar detentos em cidadãos plenos. O trabalho de encenação da peça, que conta a trajetória dos próprios presos-atores, começou dentro do presídio Ênio Pinheiro, em Porto Velho, Rondônia”, relembrou o juiz Sérgio William Teixeira.

Bizarrus foi apresentado para mais de cem mil pessoas em diversos estados brasileiros e até para representantes de outros países no Congresso da ONU - Organização das Nações Unidas, ocorrido em Salvador, em abril de 2010.

É rememorado como exemplo de projeto bem-sucedido na contribuição para a recolocação social de ex-detentos, pois rompeu preconceitos e colaborou de maneira exemplar para com uma sociedade mais fraterna e menos violenta.

A distribuição dos DVDs, bem como  a postagem do documentário na internet sendo uma das primeiras publicações do recém-criado canal do TJRO no YouTube, trouxe ao projeto grande repercussão e conquistas. Um novo grupo de detentos foi formado para encenar a peça, que, pelo caráter autobiográfico, ganhou novos contornos. A continuidade do projeto, com a parceria de diversos órgãos públicos e empresas privadas, demonstrou o alcance das metas.

Por um longo tempo a Coordenadoria de Comunicação continuou envolvida no projeto, divulgando a reestreia da peça, com novo elenco, produzindo novos materiais gráficos e distribuindo cópias dos documentários. Bizarrus continua sendo acessado pelo Canal do TJ Rondônia no YouTube. Em razão de, na época, a plataforma não permitir a postagem de uma peça audiovisual com tempo maior, o documentário foi dividido em três partes.

 

Clique para ver:

Bizarrus Parte 1/3 - Documentário sobre o espetáculo de ressocialização de presos em Rondônia

Bizarrus Parte 2/3 - Documentário sobre o espetáculo de ressocialização de presos em Rondônia

Bizarrus Parte 3/3 - Documentário sobre o espetáculo de ressocialização de presos em Rondônia



Assessoria de comunicação Institucional

Poder Judiciário de Rondônia

Poder Judiciário do Estado de Rondônia
Horário de Funcionamento:
(Segunda a Sexta-feira)
Público Geral: 7h às 14h | Plantão Judicial: 14h às 7h | Atendimento Virtual: 7h às 14h

Alô Justiça 0800-647-7077 | Geral (69) 3309-6648 / 6650 / 6651
Sede - Rua José Camacho, nº 585 - Bairro Olaria
Cep 76801-330 - Porto Velho, Rondônia

Dakota
Minimizar